O que você precisa saber para abrir um negócio próprio!

O que você precisa saber para abrir um negócio próprio!

Tempo de leitura: 

3 minutos

Abrir um negócio próprio representa um sonho para muita gente, principalmente para aqueles que têm um perfil empreendedor. A questão é que não basta só ter uma ideia, você precisa ter alguns conhecimentos específicos para não perder o controle da empresa e guiá-la para o crescimento. Foi pensando nisso que decidimos desenvolver este post, para ajudar você a realizar esse sonho!

Então descubra, a partir de agora, o que você deve saber antes de embarcar no mundo do empreendedorismo e as vantagens dessa decisão para a sua vida pessoal e profissional!

Quais conhecimentos você deve ter?

Antes de qualquer coisa, você precisa escolher o segmento de atuação. Essa escolha pode ser baseada em oportunidades de investimento ou em níveis de conhecimento e experiências que se tem, mas pesquise bem para descobrir se realmente é o modelo de negócios que faz os seus olhos brilharem.

Uma decisão mais consciente será tomada depois que você tiver ciência dos riscos, concorrência e métodos processuais (técnicas adotadas). Além de conhecer o setor, busque conhecimentos na área de gestão de negócios. Afinal, você terá que lidar com pessoas, finanças, contabilidade, marketing, etc.

Como avaliar a decisão de investimento?

Baseie a sua decisão em estudos de mercado bem aprofundados. Isso significa investir em pesquisas quantitativas e qualitativas para conhecer bem o perfil dos consumidores. Aproveite o estudo para identificar também as perspectivas de mercado, a fim de descobrir se o segmento está em expansão e com bom espaço para crescer. A análise de demanda, com períodos de sazonalidade, precisa ser bem definida aqui.

Como ter sucesso ao abrir um negócio próprio?

Não existe uma receita pronta para o sucesso, mas algumas estratégias devem abrir caminho para alcançá-lo com maior facilidade. Conheça as principais!

Tenha uma equipe qualificada

Evite contratar pessoas só porque são amigas ou da família. Você precisa de pessoas com níveis técnicos bem avançados para cuidar daquilo que você não entende bem. Só assim poderá delegar tarefas com confiança. Além disso, cuide da motivação dos profissionais, criando planos de carreira e aplicando treinamentos constantes, para atingir um bom engajamento. Isso influenciará nos resultados.

Na HCC, prezamos muito pela qualificação da nossa equipe. Tanto que consideramos a capacitação dos franqueados a etapa mais importante da implementação de uma franquia.

No vídeo abaixo, você acompanha uma entrevista com o Lucas Cancio, gestor da nossa franquia de Campo Bom (RS), que reforça a importância desse aspecto.

Identifique oportunidades

Com um bom conhecimento sobre o mercado, você deve buscar diferenciais para se destacar da concorrência. Então, invista na segmentação ou subsegmentação para atender demandas mais específicas e que estão latentes. Essa é uma boa oportunidade para se tornar referência no seu setor de atuação e conquistar clientes diferenciados.

Se você acompanha o blog da HCC, sabe que, aqui, estamos sempre ressaltando o quanto o mercado de energia solar é promissor. Já se está chegando agora e ainda não conhece muito sobre esse setor em franco crescimento, clique na imagem abaixo e assista a um vídeo sobre o assunto!

Conte com a tecnologia

Softwares com sistemas de automação podem ajudar a reduzir sua necessidade por mão de obra braçal, eliminando riscos de falhas humanas nos processos e aumentando os níveis de produtividade para o negócio. Ao adotá-los, você pode ganhar vantagem competitiva no segmento, mas, para isso, você deve contar com um bom suporte de TI.

Conhecer a legislação

Para abrir um negócio próprio, você deve ter uma boa noção da legislação vigente, principalmente sobre direitos trabalhistas e tributários. No começo, um contador e um advogado podem ajudar com algumas informações, mas é bom que você se aprofunde no estudo das leis para fazer tudo corretamente e evitar riscos.

Investir no marketing

Para alcançar o seu público, você deve investir em estratégias de marketing offline (panfletos, rádio, TV, outdoor, etc.) e digital (internet). Nesse caso, terceirizar os serviços para uma agência especializada pode ser mais interessante, principalmente no início, quando o orçamento ainda é pequeno. Afinal, manter um departamento de marketing pode ser bem caro.

Quais são as vantagens ter um negócio próprio?

Apesar do trabalho, ter um negócio próprio pode ser muito vantajoso, pois é uma decisão que permite que você assuma o controle da sua vida profissional, ganhando autonomia para atuar como gestor. Essa posição deve render um salário melhor e gerar a sensação de realização pessoal. Também pode garantir um futuro mais tranquilo para você e sua família.

Agora que você já tem algumas dicas para abrir um negócio próprio, não perca mais tempo. Inicie o seu planejamento ainda hoje e realize o sonho de ser o seu próprio chefe.

Já se preferir entrar no mercado com o auxílio de uma marca consolidada, a adesão a uma franquia é a opção certa para você. Confira agora este guia completo sobre o mercado de franquias no Brasil!