8 Dicas para utilizar seu ar condicionado de forma econômica

8 Dicas para utilizar seu ar condicionado de forma econômica

Tempo de leitura: 

3 minutos

Com a chegada do verão aumentamos muito nosso consumo de energia elétrica, principalmente em virtude das altas temperaturas. Por isso, quando recebemos a primeira conta desse período, vem o grande baque, já que conta de energia aumentou muito. Essa realidade é a de muitos brasileiros nessa época do ano, principalmente com os constantes aumentos da tarifa de energia elétrica e a utilização de bandeiras conciliadas a um acréscimo no consumo. Essa combinação é explosiva para o bolso!

A impressão que fica é que somos incapazes de eliminar tal sofrimento. No entanto, podemos sim, através de algumas atitudes reduzir o custo com energia elétrica – e o melhor, sem termos que diminuir nosso conforto.

Como estamos falando do verão, vamos repassar algumas dicas importantes na escolha do climatizador ou do ar condicionado e também de sua operação. Essas dicas são muito importantes, pois sem dúvida são eles os grandes vilões da sua conta de energia nessa época do ano. Confira a seguir nossas 8 dicas!

1 – Verifique as certificações do seu equipamento

É muito importante que ao comprar o ar condicionado você verifique as certificações que o mesmo possui, pois são elas que garantem sua eficiência e economia;

2 – Verifique a escala de eficiência energética do ar condicionado

Quanto maior a capacidade de resfriamento de um ar condicionado maior o seu gasto de energia elétrica, pois quanto maior esse valor, maior sua potência em kW. É importante que ao adquirir um ar condicionado você analise a escala de eficiência energética que varia de AA- ótimo até G- Péssimo. As classes mais altas possuem a tecnologia Inverter e os com classe C ou inferior, possuem característica on-off;

3 – Opte por equipamentos com tecnologia Inverter

Os equipamentos com a tecnologia Inverter não desligam quando o ambiente chega na temperatura adequada, continuam funcionando com baixa potência para manter o ambiente na temperatura e evitar novo trabalho para climatizar o ambiente. Sempre que possível, opte por modelos que possuam essa tecnologia;

4 – Mantenha o filtro do seu ar condicionado higienizado

A limpeza do filtro do ar condicionado deve ser feita periodicamente. O procedimento é muito simples e além de fazer bem a saúde, melhora a eficiência do ar condicionado. Ou seja, uma boa limpeza diminui o tempo que o ar condicionado precisa ficar funcionando a pleno para climatizar o ambiente;

5 – Não fique ligando e desligando seu ar constantemente

Ficar ligando e desligando o ar toda vez que entra ou sai de um ambiente, não é recomendável quando se fala em eficiência energética. Normalmente, quando ocorre esses desligamentos, toda a climatização do ambiente se perde e no momento de ligar novamente o ar, inicia-se todo o processo novamente, exigindo muito mais potência do equipamento e, por consequência, aumento do consumo de energia elétrica;

6 – Deixe seu ambiente totalmente fechado

Para climatizar mais rapidamente um ambiente é importante que todo esse ambiente esteja fechado para evitar o sobre funcionamento do equipamento e por consequência maior gasto energético;

7 – Só use em caso de necessidade

Sempre antes de ligar o ar condicionado, tente climatizar o ambiente de maneira natural, com abertura de janelas para aumentar a circulação de ar nos ambientes. Atitudes simples como essas podem limitar o uso do ar condicionado apenas para situações extremas;

8 – Se possível, evite equipamentos portáteis

O ar condicionado portátil é um equipamento que permite a mobilidade e a facilidade para funcionar, no entanto, possui um gasto energético maior em relação ao climatizador normal por que efetivamente necessita extrair o ar quente do ambiente no qual está colocado.

Por fim, cabe ressaltar que um ar condicionado de maior qualidade normalmente é mais caro, entretanto é um investimento que rapidamente se paga com o ganho energético do equipamento. É importante ressaltar ainda que cuidar da manutenção e da operação do equipamento também garante uma tranquilidade maior na hora de pagar a fatura de energia elétrica.