Descubra 3 tendências para o mercado de energia renovável!

Descubra 3 tendências para o mercado de energia renovável!

Tempo de leitura: 

3 minutos

A geração de energia por métodos convencionais fica cada vez mais cara e ineficiente no Brasil. Paralelamente, uma solução vem sendo cada vez mais utilizada para substituir tais métodos. Já ouviu falar em energia renovável? Esse mercado cresce de forma exponencial por aqui e já conquista uma legião de investidores. Pensando nisso, desenvolvemos um post com as principais tendências para o mercado de energia renovável.

A partir de agora, você vai descobrir o que vem de novidade por aí e por que deve investir nesse setor. Então, aproveite a leitura e embarque num dos segmentos mais lucrativos do país!

Por que é importante investir no mercado de energia renovável?

Além de se tornar um método de geração de eletricidade mais barato, o investimento em energia renovável contribui com o meio ambiente, pois não gera poluentes. Assim, com o passar do tempo, podemos reverter os danos causados à natureza. Mas as vantagens não param por aí, já que o crescimento do setor representa um motivo forte para investir. Estamos seguindo as tendências internacionais de adoção dessa prática e há muito espaço para ser explorado por aqui.

Quais são as tendências para o mercado de energia renovável?

Com base na evolução das tecnologias e métodos de geração de energia renovável, separamos 3 tendências que devem impactar fortemente o mercado nos próximos anos, tornando ele ainda mais atrativo aos olhos dos investidores. Confira!

1. Uso de baterias para o armazenamento de energia

Os fabricantes de baterias estão melhorando a qualidade e durabilidade de seus produtos para atenderem a uma demanda energética cada vez maior no mundo. Baterias maiores e com capacidades de armazenamento elevadas e duradouras devem chegar ao mercado a partir de 2020 e serão amplamente utilizadas nos veículos elétricos e híbridos.

Pegando carona nessa tendência, o uso de baterias também deve ser fortemente implementado na geração de energia renovável para empresas, residências e, principalmente, no meio rural, melhorando a eficiência dos sistemas e aumentando a produtividade. Essa prática deve promover a autossuficiência energética individual e anular a necessidade de abastecimentos pela rede pública.

A animação abaixo explica exatamente como funciona um sistema de armazenamento de energia em baterias.

2. Ampliação do uso de painéis fotovoltaicos

No Brasil, existem basicamente duas formas de gerar energia renovável: por meio de aerogeradores (energia eólica) e painéis fotovoltaicos (energia solar). O primeiro modelo exige um investimento maior, já que depende da instalação de grandes torres com hélices, e demanda vento para funcionar. O segundo modelo é mais barato e fácil de instalar, pois fica no telhado ou no chão, ocupando apenas alguns metros quadrados, e só precisa de luz solar.

Considerando que o Brasil é um dos países com maior incidência de luz do sol no mundo e que os custos de aquisição e manutenção dos sistemas fotovoltaicos seguem caindo, há uma previsão de adoção muito maior para a geração de energia solar no futuro.

3. Geração de créditos de energia

A demanda energética é cada vez maior no Brasil e as concessionárias estão no limite da produção. Nesse cenário, uma solução encontrada é comprar energia de quem investe na produção própria. Essa prática deve se estender por aqui em breve. Então, seja uma residência ou uma empresa, será possível vender os Watts excedentes armazenados para as concessionárias de distribuição do país, por meio de uma ligação de retorno.

Entenda como funciona o sistema de créditos fazendo o download do nosso guia! É só clicar na imagem abaixo.

Como esse mercado deve alavancar a economia brasileira?

O Brasil segue se recuperando da crise econômica e o mercado de energia renovável é um dos maiores responsáveis por gerar emprego e renda. O setor quase não sentiu a crise, já que foi enxergado pelas grandes empresas como um investimento para reduzir custos. Além disso, resolve o problema da crise energética e diminui a emissão de gases poluentes, permitindo que os investidores usem isso como uma vantagem competitiva aos negócios.

Agora que você já conhece as principais tendências para o mercado de energia renovável, pode iniciar um planejamento de investimento para aproveitar as oportunidades. Mas lembre-se, tenha sempre o apoio de uma empresa especializada no assunto para ter sucesso.

Pronto para começar? Faça uma simulação com a HCC Energia Solar agora mesmo e veja como podemos ajudar!