Descarbonização: você sabe o que isso significa?

Descarbonização: você sabe o que isso significa?

Tempo de leitura: 

4 minutos

Quando os combustíveis fósseis (carvão e petróleo) começaram a ser utilizados, o mundo passou por uma grande revolução. Foram criadas tecnologias e produtos e, assim, tanto as indústrias quanto as pessoas se beneficiaram dessa transformação.

Contudo, o que não foi considerado foi a quantidade de poluentes que esse tipo de energia emite no planeta, assim como os prejuízos que isso gera para o meio ambiente. A partir disso, a sustentabilidade passou a ser uma pauta importante em diversos ambientes, sendo essencial para a manutenção da vida no planeta.

É aí que entra a descarbonização como parte do movimento em direção à sustentabilidade. Quer saber o que é e como funciona esse conceito? Então continue a leitura e descubra!

O que é a descarbonização?

Toda vez que combustíveis fósseis — carvão e petróleo, por exemplo — são queimados para gerar energia, há emissão de gás carbônico (CO2) para a atmosfera. O gás carbônico altera a composição do ar ao redor do planeta, se acumulando e formando os chamados buracos na camada de ozônio, revestimento que protege a superfície terrestre dos raios do sol.

Isso significa que os gases emitidos pelos veículos movidos a gasolina ou a diesel, na produção de energia elétrica, na indústria, entre tantos outros lugares, são prejudiciais para o meio ambiente e, até mesmo, para a saúde das pessoas. Afinal, o gás carbônico é um dos principais responsáveis pelo aquecimento global vivenciado na atualidade.

É aí que entra o conceito de descarbonização. Ele se refere à busca pela redução e, a longo prazo, eliminação da emissão de gás carbônico nas atividades das pessoas e empresas em geral. Isso é possível quando você adota uma série de atitudes, como a substituição de combustíveis fósseis por energias renováveis, por exemplo.

Qual a relação entre descarbonização e sustentabilidade?

Você já ouviu falar em sustentabilidade, não é mesmo? Entretanto, já parou para pensar no que esse conceito realmente significa?

Sustentabilidade é o termo utilizado para se referir à busca de estratégias para reduzir o consumo de recursos naturais e as agressões ao meio ambiente geradas pela atividade humana.

Isso significa que, como já foi comprovado pela ciência, a forma como o ser humano vive gera uma série de impactos ambientais que prejudicam as outras espécies animais e vegetais e ameaçam, inclusive, a vida no planeta. Desse modo, a sustentabilidade chega como uma necessidade dos dias atuais, buscando a redução desses impactos, de forma que o planeta continue sustentando a vida.

A descarbonização chega como aliada da sustentabilidade. Isso porque a emissão de gás carbônico é um dos impactos ambientais mais negativos da atividade humana, representando uma ameaça à vida no planeta. Dessa forma, quando pessoas e organizações buscam, ativamente, reduzir esses índices de emissão de CO2, é possível diminuir esses impactos e, com isso, contribuir para a sustentabilidade a nível global.

Como funciona a descarbonização na prática?

Certamente você já percebeu a importância da descarbonização. Portanto, agora é a hora de entender como colocar ela em prática, tanto na sua vida pessoal quanto na sua empresa. Uma das primeiras estratégias adotadas nesse sentido é a redução do desperdício, principalmente quando se fala em matéria prima.

Isso porque, quanto maior o desperdício, maior o gasto desnecessário de recursos naturais. Além disso, quando se desperdiça um produto, como um copo, por exemplo, você também "joga fora" todo o gás carbônico emitido na produção dele, aumentando o processo de carbonização.

Aumentar a eficiência na indústria, evitando gastos muito altos de matéria prima e energia, também é uma estratégia muito utilizada. A reciclagem de materiais também emite muito menos CO2 do que a produção de um produto novo, sendo outra estratégia muito eficiente nesse aspecto.

Entretanto, as energias renováveis ganham cada vez mais destaque no processo de descarbonização. Isso porque as formas tradicionais de produção de energia, principalmente a elétrica, emitem muito gás carbônico na atmosfera.

Ao lado disso, a necessidade de consumo de energia elétrica tende a crescer ao longo do tempo. Dessa forma, a utilização de energias renováveis, como a energia solar, é uma das principais formas de investir na descarbonização e manter o foco na sustentabilidade do planeta como um todo.

Quais são os benefícios da descarbonização?

Existem grandes benefícios em investir na descarbonização, principalmente quado se fala em empresas. Entenda agora quais são os principais deles:

  • agrega valor ao negócio e melhora a imagem da empresa perante o mercado;
  • contribui com a sociedade e o meio ambiente como um todo;
  • reduz custos, uma vez que energias renováveis são mais baratas a longo prazo;
  • contribui para o desenvolvimento econômico de setores sustentáveis da economia;
  • pode gerar redução em impostos e certificados de sustentabilidade para o negócio.

Quais são os principais desafios para a descarbonização?

Diante de tantos benefícios, você pode se questionar: por que ainda não somos sustentáveis? Esse é um assunto complexo e a resposta para essa pergunta não é única. Contudo, entender alguns dos principais desafios da descarbonização pode ser um dos caminhos para que você descubra como enfrentar os obstáculos e seguir rumo a esse objetivo:

  • a descarbonização exige investimento inicial expressivo, apesar de ser mais barata a longo prazo;
  • são necessárias novas tecnologias, principalmente em relação a motores, para que a descarbonização se expanda;
  • muitas pessoas ainda não têm conhecimento suficiente sobre o assunto para investir na descarbonização;
  • é preciso conscientizar as pessoas e investir em uma cultura sustentável para que a descarbonização seja expandida.

Como você pode perceber, a descarbonização é um dos principais passos para um mundo sustentável. Dessa forma, apesar de não ser um conceito tão conhecido, a tendência é que ele se expanda ao longo do tempo e ganhe cada vez mais relevância e espaço, tanto no dia a dia das pessoas quanto dentro de empresas e indústrias. Portanto, aproveite para começar, agora mesmo, a repensar a forma como você produz e vive, de maneira que seja possível investir na descarbonização.

Investir em energias alternativas e renováveis é um dos primeiros passos nesse aspecto. Leia nosso artigo sobre energia compartilhada e descubra mais sobre o assunto!