Veja as 5 melhores dicas para quem quer abrir uma franquia!

HCCEnergiaSolar_OndeInvestir

Tempo de leitura: 

4 minutos

Cada vez mais pessoas têm optado por abrir uma franquia por causa da infinidade de benefícios que esse tipo de empreendimento pode oferecer, como a estabilidade financeira e a segurança de assumir um negócio que já está consolidado no mercado.

Contudo, escolher o ramo de atuação nem sempre é uma tarefa fácil, visto que existem muitos segmentos em ascensão devido às mudanças no comportamento de consumo. Pensando nisso, preparamos este conteúdo para que você confira as melhores dicas para abrir uma franquia. Continue a leitura para saber mais!

1. Faça uma autoanálise

Se você deseja realmente abrir uma franquia, mas ainda tem dúvida sobre qual segmento escolher, o primeiro passo é fazer uma autoanálise criteriosa. Para isso, perguntas básicas podem ajudar, como:

  • Você sabe se relacionar com as pessoas e trabalhar em equipe?
  • Você já teve um negócio próprio?
  • Está ciente de que deverá cumprir com as normas e padrões da franqueadora?
  • Sua família te apoiará nessa empreitada?
  • Acredita que tem habilidade e perfil para lidar com clientes e colaboradores?

Dependendo do setor escolhido, você tem ciência de que poderá ser preciso trabalhar nos finais de semana e feriados para faturar mais?

Todas essas questões podem ajudar a superar o medo de empreender, que é mais comum do que você possa imaginar.

2. Invista em algo que realmente gosta

Se o primeiro passo é fazer uma autoanálise, sem dúvida o segundo é estudar as possibilidades de mercados de seu interesse. Felizmente, hoje em dia existem muitas alternativas rentáveis e interessantes disponíveis para os mais diversos perfis.

De tecnologia a alimentação, o que não faltam são opções para quem deseja empreender. Basta procurar por um nicho que você se veria trabalhando em longo prazo. Ou seja, separe as franquias nas quais você tem satisfação profissional e pessoal.

De fato, o retorno financeiro é importante para que o negócio tenha sustentabilidade, mas o que realmente fará com que ele sobreviva e prospere com o tempo é a sua paixão.

3. Conheça o mercado da sua região

Agora que já abordamos as questões conceituais, é hora de falar sobre realidade. Abrir uma franquia pode ser um negócio excelente, mas se não houver público na região, pode ser uma péssima ideia. Isso se deve ao fato de que o perfil de consumo e os hábitos de compra mudam de uma localidade para outra.

Um determinado produto ou serviço pode fazer bastante sucesso em uma cidade, mas não ter qualquer chance de crescimento em outra. Portanto, é fundamental fazer uma boa pesquisa a respeito do mercado da sua região, antes de decidir em qual negócio aplicar o seu dinheiro.

Verifique as características do setor na sua região, se existem concorrentes e qual o porte deles, quais diferenciais competitivos será preciso investir, o perfil do consumidor em potencial, entre tantos outros aspectos importantes para garantir que a franquia sobreviva.

4. Pesquise sobre o franqueador

Essa é uma das partes mais importantes de todo o processo de avaliação que você deve fazer antes de abrir uma franquia. Além de analisar a proposta de negócios apresentada pela franqueadora, é crucial fazer a "lição de casa" e pesquisar por conta própria a reputação da marca, a sua estrutura, potencial de rentabilidade, credibilidade no mercado, entre outras questões.

É importante também verificar cuidadosamente o que há nas entrelinhas da proposta. Certifique-se de que você está de acordo com as condições impostas pela rede da franqueadora, visto que essa relação de negócios será duradoura, após os contratos serem assinados.

Pergunte o que outros donos de franquias da rede têm a dizer sobre sua experiência trabalhando com a marca em questão. Descubra quanto eles gastaram para inaugurar a unidade, como é o suporte, as vendas e como foi o processo de implementação.

Questione também sobre os diferentes cenários econômicos e desafios enfrentados no decorrer do caminho. Todas essas informações são importantes para tomar uma decisão pensada e inteligente. Analise a reputação da empresa nos canais públicos de reclamações e como ela lida com seus franqueados. Todo negócio é suscetível a ter problemas, mas o que o diferencia é a forma de lidar com eles.

5. Faça um planejamento consistente

Por fim, é importante destacar que para abrir uma franquia muitas pessoas começam suas pesquisas pelo investimento e o retorno, isto é, a quantia necessária para começar o negócio e quando ele gerará lucro. A nossa dica é criar uma espécie de critério para fazer essa análise de forma minuciosa e recolher o máximo de informações relevantes sobre as franqueadoras que você tem em vista.

Outro ponto que precisa ser avaliado é se as franqueadoras exigem que os equipamentos ou estoques sejam comprados da própria rede ou de fornecedores específicos. Lembre-se de que um dos motivos pelos quais vale a pena abrir uma franquia é a liberdade e autonomia.

Caso a franquia escolhida atue neste formato, verifique a viabilidade financeira, comparando todos os custos e margens de lucro. Quanto mais sólido for seu planejamento antes de decidir abrir uma franquia, maiores as chances de usufruir de benefícios como:

Consolidação no mercado — a grande vantagem de atuar com uma franquia está no fato de que você assume um modelo de negócios que já foi testado e aprovado em cenários econômicos e consumidores reais;

Know-how — ao abrir uma franquia você adquire também todo um formato de negócios funcional desenvolvido com o decorrer de anos de experiência, o que evita tentativas e erros que poderiam custar muito dinheiro em longo prazo;

Negociação — gerir uma franquia oferece uma ótima margem para negociar com com os melhores fornecedores e preços do mercado;

Suporte — orientação a respeito de aspectos contábeis, tributários e jurídicos, entre muitas outras questões importantes e burocráticas sobre a gestão dos negócios.

Como você pôde conferir neste conteúdo, abrir uma franquia pode ser altamente vantajoso para quem tem vontade de empreender, mas tem receio de iniciar um negócio do zero. Por ser um empreendimento testado e aprovado e oferecer uma ótima rentabilidade, cada vez mais pessoas têm investido nesse formato.

Quer continuar acompanhando mais conteúdos informativos e dicas sobre empreendedorismo? Então aproveite para seguir a nossa página no Facebook para se manter por dentro das maiores novidades do mercado!