Saiba como realizar a manutenção de sistemas fotovoltaicos

 Saiba como realizar a manutenção de sistemas fotovoltaicos

Tempo de leitura: 

5 minutos

A energia solar é a maneira mais econômica e sustentável de gerar energia elétrica. Painéis solares são instalados no topo das construções para captarem os raios do sol, que serão convertidos em eletricidade. Mas, para garantir maior durabilidade e eficiência, é fundamental manter a manutenção de sistemas fotovoltaicos em dia.

O sistema de energia solar oferece muitas vantagens para os consumidores, entre elas a diminuição de danos ambientais e baixo custo, se comparado o investimento total ao tempo estimado de vida útil dos módulos. Os painéis são de fácil instalação, o que não dispensa mão de obra especializada, e o sistema oferece ótimo custo-benefício.

Porém, para ter o retorno do investimento e assegurar a melhor utilização do sistema fotovoltaico, é preciso realizar manutenções simples e periódicas. Neste artigo, vamos mostrar como são feitas essas intervenções e por que elas são tão importantes. Confira!

A importância da manutenção de sistemas fotovoltaicos

A praticidade e a economia fazem da energia solar uma fonte de energia sustentável, que pode ser implantada em áreas urbanas e rurais e em imóveis comerciais, residenciais e industriais. Os sistemas de energia solar demandam pouca manutenção. Por não possuir peças móveis, os módulos não sofrem desgaste mecânico.

Mas, os painéis fotovoltaicos instalados na cobertura dos imóveis estão expostos à poeira, poluição, galhos, fuligem, folhas, dejetos de aves e outros fatores que podem sujar a superfície. Essa sujeira influencia diretamente na quantidade de energia que o sistema produzirá.

Realizando a limpeza das placas solares de forma adequada, é possível atestar a vida útil desses equipamentos. A garantia oferecida pelos fabricantes é de 25 anos, mas os painéis podem durar até 40 anos se conservados apropriadamente.

Portanto, manutenções periódicas são importantes para garantir que o processo de captação dos raios solares seja eficiente, conferindo a durabilidade e a qualidade do sistema fotovoltaico. Além disso, o acúmulo de sujeira ao longo do tempo pode provocar manchas, favorecer a proliferação de fungos e corrosão dos módulos.

A periodicidade ideal para fazer a manutenção

O tempo de limpeza dos painéis solares pode variar de acordo com o local e a região que estiverem instalados. No geral, a limpeza dos módulos deve ser realizada a cada seis meses. Mas, se o imóvel estiver localizado em regiões mais secas e com alta incidência de poeira ou poluição, essa manutenção deve ser feita com mais frequência.

Nesses casos, o recomendado é que a limpeza seja realizada de quatro em quatro meses. Quando essa manutenção é feita de forma incorreta ou em períodos muito longos, a poeira faz com que a produção de energia caia em até 25% da capacidade total.

Além da limpeza, os painéis fotovoltaicos também demandam cuidados com a manutenção elétrica para avaliar o desempenho do sistema. Esse trabalho é feito por um eletricista que verifica a capacidade de produção de energia e quanto de fato é produzido. O profissional também analisa as condições de todos os equipamentos envolvidos no sistema.

O valor investido na manutenção

Existem muitas vantagens em implantar o sistema fotovoltaico no seu imóvel e uma delas é o custo com a manutenção. O valor para manter o seu sistema funcionando no melhor estado é de cerca de 0,5% do valor de investimento total. Por isso, além de produzir uma energia limpa e renovável, o sistema fotovoltaico é bastante econômico.

Cuidados com a limpeza dos painéis fotovoltaicos

A limpeza é simples e pode ser realizada sem o uso de mão de obra especializada, mas é preciso seguir critérios de segurança e usar equipamentos de proteção para evitar acidentes. Por isso, é recomendado contar com profissionais capacitados para realizar esse serviço.

Nesse caso, a limpeza deve ser feita com água, detergente neutro e uma esponja macia ou um pano limpo. Não é indicado o uso de produtos químicos, como cloro ou álcool. Não se apoie, nem force os módulos solares. A limpeza deve ser realizada suavemente e com cuidado para não danificar as peças e comprometer a geração de energia.

As placas fotovoltaicas possuem vidro totalmente lisos, o que facilita a limpeza até de sujeiras mais aderentes. Essa lisura e a transparência dos módulos que permitem a penetração da luz nas células fotovoltaicas.

Por isso, não se deve raspar as sujeiras com qualquer tipo de objeto que possa causar riscos ou arranhões no vidro. O acúmulo dessas imperfeições, provocadas por esses instrumentos, é capaz de impedir a passagem de luz e comprometer a eficiência do sistema fotovoltaico.

Tipos de manutenção

Em casos onde há negligência na realização da manutenção de sistemas fotovoltaicos, a geração de energia pode ficar comprometida. Existem três tipos de manutenção que ajudam na conservação dos painéis solares.

Manutenção preventiva

A manutenção preventiva consiste em manter os painéis solares do sistema fotovoltaico sempre limpos. Feita de seis em seis meses, essa limpeza periódica é capaz de reduzir significativamente os riscos de desgastes no sistema de energia solar.

Além disso, verifique o estado geral do inversor, os vedantes das tampas de caixas e entradas do cabeamento e a existência de cabos danificados, que podem resultar na baixa produtividade do sistema.

Manutenção preditiva

A manutenção preditiva é composta por inspeções visuais, feitas periodicamente, nas placas solares com o objetivo de averiguar possíveis riscos, arranhões, fissuras, manchas, rachaduras, indícios de quebra ou qualquer outra avaria que possa comprometer a captação e geração de energia solar.

Na manutenção preditiva também é realizado o acompanhamento do índice de produção da energia fotovoltaica, para analisar se o sistema está funcionando de forma adequada. Aqui, são realizadas a avaliação da variação da potência pico e a quantidade de energia produzida em diferentes condições climáticas.

Essa análise e observação pode ser feita pelo próprio usuário do sistema fotovoltaico e é uma forma de identificar os problemas logo no início, diminuindo os custos com as manutenções corretivas.

Manutenção corretiva

A manutenção corretiva é feita após a identificação de algum dano ou problema nas placas solares que estejam provocando baixo rendimento do sistema fotovoltaico. Nesses casos, é indicado que o usuário entre em contato com a assistência técnica especializada para que seja realizado diagnóstico preciso da avaria e o reparo adequado.

Portanto, a manutenção de sistemas fotovoltaicos garante um funcionamento mais eficiente na geração de energia, reduz os custos com possíveis reparos e aumenta o aproveitamento de energia solar, assegurado a durabilidade das placas. A energia solar é perfeita para a preservação do meio ambiente e confere economia na conta de luz no fim do mês.

Pensando em implantar o sistema fotovoltaico na sua propriedade? Saiba o que deve ser avaliado nas marcas de painéis solares na hora da escolha!