Energia solar na avicultura entenda as principais vantagens e invista nessa solução!

Energia solar na avicultura entenda as principais vantagens e invista nessa solução!

Tempo de leitura: 

13 minutos

A adoção de fontes de energia alternativas é uma grande tendência no mundo inteiro. Diversos ramos da sociedade, principalmente, o meio empresarial, estão adotando a energia limpa, como a solar, a eólica, a biomassa, entre outros.

Tal atitude, além de proteger o meio ambiente dos maus impactos causados pelas ações das fontes de energia não renováveis, é capaz de gerar grande credibilidade para as instituições. Afinal, é uma ação que mostra a preocupação com a sustentabilidade.

Muitas atividades econômicas realizadas em nosso país já contam com a energia solar em suas produções, uma das mais rentáveis entre elas. Neste artigo, ressaltaremos o uso da energia solar na avicultura, atividade destinada à criação de aves para a produção de diversos alimentos.

Quer aprender mais sobre os seus benefícios? Então, continue com a gente! Vamos mostrar o panorama da energia solar na avicultura, explicar como ela pode ser aproveitada nessa atividade econômica, quais as principais vantagens de implantar a energia solar e por que é importante buscar um fornecedor bem-visto no mercado e que atue na região em que você e sua empresa se encontrem. Não perca!

Saiba o que e quais são as principais fontes de energia renovável

Muitas pessoas ainda não conhecem o conceito de fontes de energia renováveis. São aquelas que têm origem em recursos naturais inesgotáveis, infinitos na natureza e com alta capacidade de regeneração.

Com isso, a sua utilização deixa pouquíssimos resíduos agressivos na natureza, ao contrário das fontes de energia não renováveis, que foram amplamente utilizadas nos últimos séculos, desde as revoluções industriais. Veja, agora mesmo, alguns exemplos de fontes de energia renováveis:

  • energia solar: é aquela oriunda da luz e do calor do sol. Atua por meio das placas solares. Entre as fontes de energia renováveis, é a mais utilizada nos últimos tempos;
  • energia eólica: baseada na força exercida pelos ventos. Sua captação é feita por meio de turbinas que lembram moinhos de vento, muito encontrados nas costas litorâneas;
  • energia hidrelétrica: é amplamente utilizada em todo o mundo. Sua geração ocorre por das usinas hidrelétricas, que se movimentam graças à força dos rios e das chuvas. Tem como desvantagem, no Brasil, a carga tributária de até 56% embutida nas contas de luz;
  • biomassa: obtida por meio das matérias orgânicas. Sua atuação ocorre nas usinas termelétricas. Muito utilizada em países como Austrália, Estados Unidos e Canadá;
  • energia geotérmica: provém do calor original do interior dos solos. Muito utilizada em países com Filipinas, Estados Unidos e Indonésia.

Por sua vez, as fontes de energia não renováveis são aquelas que têm origem em uma fonte de energia esgotável. Dessa forma, contribuem para a extinção de diversos elementos fundamentais para a vida do planeta, além de agredir o meio ambiente com as toxicidades liberadas em sua atuação. Veja, abaixo, algumas delas:

  • petróleo: a mais famosa entre as fontes de energia não renováveis, deu origem a diversos produtos que são indispensáveis em nosso cotidiano, como o plástico. Trata-se de uma substância oleosa de cor escura, encontrada na parte interna de algumas pedras;
  • carvão mineral: um tipo de pedra com vários elementos tóxicos, como mercúrio e chumbo. Normalmente, o carvão mineral é extraído por meio da mineração;
  • gás natural: é o petróleo em sua forma gasosa. Apesar do nome, essa fonte de energia não é bem “natural”, pois há uma extração dos combustíveis fósseis no interior das rochas que é convertida em gás;
  • energia nuclear: também chamada de energia atômica, é gerada por meio da liberação do conteúdo encontrado no núcleo do átomo de urânio. Muito utilizada para fins bélicos, como a formação das famosas bombas nucleares, por exemplo.

Entenda mais sobre energia solar

Agora que você aprendeu mais sobre as fontes de energia renováveis e não renováveis, vamos abordar a fonte de energia que será o principal assunto deste artigo: a energia solar. Ela provêm dos raios solares que, ao entrar em contato com painéis solares, feitos de silício, um material que propicia essa conversão, transformam-se em energia luminosa.

A adoção da energia solar tem inúmeras vantagens, sendo a principal delas a economia financeira. Isso porque, em comparação com a energia hidrelétrica, a mais utilizada no mundo atualmente, conta com uma carga tributária bem menor. Além disso, investir em painéis solares, apesar de ser um empreendimento de alto custo, é vantajoso por ter um alto e rápido retorno sobre o investimento.

agro saber mais hcc energia solar

Conheça o panorama da energia solar na avicultura

A avicultura é uma das atividades econômicas que mais demandam energia, pois toda a produção de alimentos oriunda desse setor é ligada à energia elétrica. Para se ter uma ideia, se for considerar apenas o sistema de ventilação, ele responde por mais da metade dos gastos de energia de uma granja.

Estima-se que o consumo médio de energia na avicultura esteja em torno de 60 a 80 kWh/m2. A produção de alimentos por cultivo das aves conta com uma série de etapas, que incluem ventilação, iluminação, refrigeração e nebulização. Todas essas fases contam com a utilização intensa da energia elétrica.

Por isso, uma excelente alternativa para melhorar os custos com a energia na avicultura está na adoção de uma fonte de energia renovável. Em países como os Estados Unidos, a Austrália e o Canadá, as granjas utilizam a biomassa para a produção de energia. Sendo o Brasil um país predominantemente tropical, a energia solar é uma das melhores opções.

Ao adotar a energia solar, os aviários podem reduzir os gastos com esse insumo em até 90%. A economia é tanta que, pelo fato de o agronegócio estar em pleno desenvolvimento no Brasil, o governo federal colocou a adoção da energia solar na agricultura como uma prioridade em longo prazo.

Aderir a fontes alternativas de energia, mesmo que de forma suplementar, é extremamente vantajoso. Vamos ver quais são as principais vantagens.

Redução da dependência da energia tradicional

Na produção de energia elétrica, muitas vezes, as concessionárias trabalham com certa instabilidade. No caso da avicultura, isso pode prejudicar bastante o negócio.

Mesmo com auxílios fornecidos pelo governo, como a Tarifa Rural Noturna, benefício dado aos empresários rurais, o melhor é buscar uma alternativa de produção de energia independente. Afinal, esses recursos não duram muito e, geralmente, são modificados com frequência.

Diminuição dos impactos ambientais

Como visto anteriormente, as fontes de energia renováveis são consideradas limpas, que emitem poucos poluentes na natureza. Com isso, a adoção de uma fonte de energia dessa categoria contribui para a preservação do meio ambiente.

Fenômenos naturais, como o aquecimento global, o degelo das calotas polares e a chuva ácida, poderão ser amenizados com a ampla adoção de fontes de energia renováveis por todo o planeta.

Amenização das crises de energia

A energia gerada pelo setor hidrelétrico, por ser a mais utilizada, provém de um sistema bastante sobrecarregado. Estima-se que 90% das fontes energéticas brasileiras têm origem na energia hidrelétrica. Além disso, a poluição ambiental tem diminuído bastante a ocorrência das chuvas, o que gera a crise energética geral no Brasil, visto que as usinas hidrelétricas dependem das chuvas para o seu funcionamento.

Com isso, a combinação e substituição das fontes de energia contribui para a amenização das crises no setor. Adotar uma fonte alternativa de energia torna os estabelecimentos independentes das concessionárias energéticas locais, diminui os riscos de perdas nas produções industriais e proporciona segurança para a população.

Logo, o panorama da energia solar na avicultura é bastante positivo e promissor. A adoção dessa fonte de energia no segmento traz grandes vantagens financeiras para os empresários, além de contribuir para a preservação do meio ambiente e melhorar o setor energético como um todo.

Entenda como a energia solar proporciona conforto para as aves

Para que a avicultura seja realizada com primor, uma série de cuidados que dizem respeito ao conforto das aves devem ser tomados. O desleixo com o local do condicionamento pode não apenas acarretar a perda do animal, mas também, atrapalhar na qualidade do alimento que será produzido.

Entre as medidas que devem ser tomadas, a principal está em manter o ambiente com a temperatura exata. Isso deve ser feito porque uma das maiores causas de perda de animais no cultivo de aves está no calor e nas frequentes mudanças de temperatura.

Saiba que em sua primeira semana de vida, as aves devem ser condicionadas entre 31 e 33°C. Quando adultas, a temperatura ambiente deve ser mantida entre 21 e 23°C. Essa informação é importantíssima, pois um aumento corporal de apenas 4°C já é o suficiente para que a ave tenha uma hipertermia, enquanto uma diminuição de 8°C pode causar o oposto, ou seja, a hipotermia. Em ambos os casos, o animal não resiste e morre.

Por isso, é importante manter o local bem refrigerado ou aquecido, dependendo da faixa etária e do tipo da ave. A umidade também é importante, pois ambientes muito secos ou demasiadamente úmidos também podem causar a perda do animal. Com isso, a umidade ideal de uma granja deve se manter entre 65% e 70%.

Esses cuidados requerem um alto investimento e, nesse aspecto, uma fonte de energia mais barata pode ser de grande valia para a economia do negócio. Por esse motivo, implantar a energia solar é uma ação mais do que bem-vinda no setor.

ebook hcc energia solar

Descubra por que é preciso ter um cuidado especial no consumo de energia na avicultura?

Que a avicultura é uma atividade que consome muita energia, você já entende. Mas, você sabia que existem alguns cuidados que podem ser tomados para evitar que a energia consumida seja ainda maior? É sobre isso que vamos falar a partir de agora.

Uma das medidas mais importantes a serem adotadas está na aquisição de equipamentos com funcionamento de baixo consumo energético. Embora o maquinário utilizado na avicultura seja de grande porte, a busca por equipamentos que gastem menos energia já é o suficiente para se fazer uma boa economia.

Outro cuidado está na aquisição de ventiladores de qualidade. Esses equipamentos, quando de proveniência duvidosa, podem atrapalhar a manutenção da temperatura necessária no condicionamento das aves.

Além disso, alguns ventiladores são bastante ruidosos, o que pode deixar as aves alteradas por estresse e atrapalhar a qualidade do alimento que está sendo produzido. Por isso, é importante buscar aparelhos que emitam a menor quantidade de ruídos possível.

No mais, é importante prestar atenção ao desperdício energético em outras atividades típicas da avicultura, como o aquecimento, a ventilação, a umidificação e os sistemas de iluminação. Procurar ligar os equipamentos apenas para o uso, utilizar a voltagem correta e manter as máquinas fora das tomadas sempre que possível é fundamental.

Aprenda como a energia solar contribui para sustentar equipamentos de maior porte, como é o caso da avicultura

Equipamentos de grande porte exigem um maior gasto energético. Na avicultura, todos são desse tipo, o que explica o alto gasto energético da atividade econômica. Além disso, a avicultura brasileira é baseada nas tecnologias importadas, o que torna ainda mais cara a aquisição desses equipamentos.

Por mais que existam as linhas de crédito próprias para que os empresários do ramo façam esse investimento, é importante lembrar que o dinheiro despendido para tantos gastos pode ser economizado com a adoção de uma fonte de energia alternativa. Mais uma vez, pelo fato de o Brasil ser um país de clima predominantemente tropical e equatorial, a energia solar passa a ser uma excelente opção.

Veja em quais locais das granjas os equipamentos podem ser instalados

A implantação de uma granja não é uma tarefa tão simples assim. A seleção da localidade ideal para a prática da avicultura leva em conta uma série de fatores, como a circulação natural do ar, a incidência correta da entrada de raios solares e a origem climática da região que o aviário será instalado que, por sua vez, definirá a largura e o comprimento do estabelecimento.

Dessa forma, é importante instalar o pé direito do aviário — local onde serão colocados os ventiladores — em um ponto que seja bem ventilado naturalmente, de maneira a equilibrar o condicionamento térmico das aves. Para proteger o aviário do excesso de umidade, o ideal é escolher um piso propicio para essa proteção. Para isso, ele não deve ser muito liso, e precisa ser lavável e impermeável, de preferência.

O telhado deverá ser revestido por material com alta resistência térmica, visando à refrigeração ideal do ambiente. Temos como exemplos o sapê e a telha feita de cerâmica. Por fim, para a distribuição de água, é necessário que haja a instalação de bebedouros que proporcionem um fácil acesso para as aves, além de fácil limpeza, preços acessíveis e alta durabilidade.

Entenda como a energia solar pode ser aproveitada na avicultura

A ampliação da energia solar na avicultura depende de alguns fatores. O mais importante deles é a localização dos painéis solares. Para você ter uma ideia de como é produzida a energia solar no setor, geralmente, as placas são instaladas nas telhas, por ser o ambiente do aviário mais propício para o recebimento dos raios solares. Dessa forma, é ampliado o aproveitamento físico da energia solar na avicultura.

Em outro panorama, temos o aproveitamento entre as granjas. O principal impedidor da mudança da fonte de energia está no acesso financeiro. Para isso, o governo estabeleceu alguns auxílios direcionados aos empresários rurais, como o Tarifa Rural Noturna, citado no início do texto.

Existem, também, diversas opções de linhas de crédito que proporcionam o aproveitamento da energia solar. Muitos bancos públicos e privados permitem o pagamento das parcelas do financiamento com a economia obtida na conta de luz. São os chamados créditos de energia, que você verá melhor mais para frente.

Há também a possibilidade de realizar o financiamento sem dar a entrada, proporcionado por alguns bancos. As linhas de financiamento de energia solar mais famosas no Brasil são FCO Banco do Brasil, Financiamento Solar Losango, FNE Sol, Linha Financiamento Solar Santander, entre outras. Escolha a que melhor se adéqua ao seu bolso e região!

youtube hcc energia solar

Saiba quais são as principais vantagens da energia solar na avicultura

Como visto ao longo do texto, adotar a energia solar na prática da avicultura envolve uma série de benefícios. Vamos mostrar quais as vantagens da utilização desse sistema na criação das aves!

Economia financeira

Como dito, a economia com os gastos de energia ao adotar a fonte de energia solar pode chegar a até 90%! O alto valor economizado se dá pela redução das taxas, da carga tributária e pelo fato de os painéis solares gerarem alto retorno de investimento, e não exigirem grandes gastos com manutenção, sendo necessário apenas uma simples limpeza a cada seis meses.

Créditos de energia

A quantidade de energia captada pelo painel solar ao longo do dia pode não ser utilizada em toda uma noite ou em um dia de tempo fechado. Essa energia armazenada pode ser convertida em créditos de energia.

Esses valores são administrados pela concessionária de energia local. Eles terão validade de 60 meses, e é uma ótima opção para se usar no inverno, por exemplo.

Reajustes e bandeiras tarifárias

Há uma tarifa mínima que deve ser paga à concessionária local para o funcionamento dos painéis solares. Porém, o valor dela é infinitamente menor do que a carga tributária embutida nas contas de luz das fontes de energia elétrica tradicionais. Uma grande vantagem!

Com tantos benefícios, temos certeza de que você já está planejando a implantação de um sistema de energia solar em seu estabelecimento, ou mesmo em sua casa. Mas, saiba que, para que essa instalação seja bem-sucedida, é necessário que você saiba escolher o fornecedor ideal. Quer saber como fazer isso? Então, veja nossas dicas do próximo tópico.

Veja a necessidade de buscar um fornecedor que atue em sua região

Nada de contratar a primeira empresa que você vir pela frente! Saiba que a escolha do fornecedor que vai implantar o sistema de energia solar em sua casa e/ou empresa é um dos pontos mais importantes de toda a empreitada. Veja, abaixo, as questões que devem ser consideradas ao escolher um parceiro para a adoção da energia solar na avicultura e em outros segmentos:

  • reputação da empresa no mercado: pesquise, de antemão, qual fama a fornecedora tem no mercado. Para isso, vale ler queixas no site “Reclame Aqui”, conversar com pessoas que tiveram experiência com a empresa, procurar notícias a respeito etc. Esse ponto é extremante importante porque um serviço feito de má-vontade pode causar grandes prejuízos;
  • proximidade com o local: é importante escolher uma empresa que atenda na sua região. Dessa forma, ela entenderá os aspectos exigidos pelo clima e vegetação no lugar, além da redução de custos com combustíveis para a movimentação;
  • condições de pagamento: antes de contratar uma empresa, verifique se você terá condições de arcar com o empreendimento e, caso não tenha, qual linha de crédito é mais adequada às suas condições. É importante que essa atitude seja tomada antes de se contratar a empresa, de modo a evitar possíveis golpes por parte do negócio.

Portanto, se a sua empresa e/ou casa está localizada nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Bahia Pernambuco, Ceará ou Maranhão, a sua melhor opção é, com toda certeza, a HCC Energia Solar. No mercado desde 2005, iniciamos nossas atividades com a prestação de serviços em engenharia elétrica.

Após dez anos nesse ramo, incluímos as atividades com energia solar. Atualmente, oferecemos soluções personalizadas para todos os tipos de estabelecimentos, proporcionando aos nossos clientes independência energética e contribuindo para a redução de danos ao meio ambiente.

Além disso, temos o diferencial de atuar por meio do sistema de franquias, proporcionando a expansão da fonte de energia solar a todo ambiente empresarial. São mais de 20 franqueados da HCC Energia Solar espalhados por todo o Brasil, além de 15 mil projetos para distribuidoras, R$15 milhões economizados e mais de 50 megawatts vendidos.

Gostou de aprender mais sobre a energia solar na avicultura? Então, não deixe de entrar contato com a gente para conhecer os nossos produtos e serviços! Temos certeza de que você vai encontrar a solução ideal para seu negócio!

orçamento hcc energia solar