Energia solar no campo: entenda como usar e quais as vantagens!

hccenergiasolar-rural

Tempo de leitura: 

13 minutos

O agronegócio é um dos setores mais importantes para a economia do Brasil, e garantir a eficiência das operações desse tipo de produção é um dos objetivos de quem atua na área. Dessa forma, há grande investimento em máquinas, para aumentar a produtividade; defensivos agrícolas, para proteger a produção; e uma boa gestão dos processos.

Mas você já pensou que é possível reduzir os custos da produção agrícola utilizando fontes verdes de energia? Pois é exatamente essa a proposta da energia solar no campo, que, além de permitir a redução de gastos, ainda é capaz de abrir portas para uma produção mais sustentável.

Quer saber tudo sobre esse assunto? Então, continue a leitura deste artigo!

A importância do agronegócio para a economia brasileira

O Brasil já foi um país basicamente agroexportador, ou seja, cuja economia dependia, principalmente, da produção agropecuária. Nas últimas décadas, essa realidade se transformou.

Com a chegada em peso da indústria no país, muitas pessoas migraram do campo para as cidades, e os setores industrial, de serviços e varejo ganharam força. Porém, não se pode dizer que o agronegócio perdeu a sua importância.

Hoje, esse setor representa mais de 20% do PIBbrasileiro. Não é à toa que o país é líder, dentro da América Latina, em investimentos na pesquisa e desenvolvimento desse segmento.

O agronegócio também é o responsável por metade das exportações do Brasil, ajudando a solidificar o país na economia mundial. Vale destacar, inclusive, que esse é um setor que movimenta bastante a mão de obra, sendo responsável por 38% dos empregados no país.

Vale lembrar, também, que o agronegócio não movimenta apenas o setor de alimentos. O investimento nessa área ainda abre portas para a produção de caminhões e máquinas agrícolas, o transporte de mercadorias — principalmente, o rodoviário —, a veterinária, as indústrias farmacêutica e de produção de defensivos agrícolas e, por fim, para o varejo.

Portanto, o agronegócio está no centro da economia do país, movimentando tanto o negócio local quanto as exportações de produtos e matérias-primas brasileiras. Dessa forma, ele está em constante inovação e recebe uma série de investimentos, no intuito de torná-lo cada vez mais produtivo e lucrativo.

A energia solar no campo

Diante da importância desse setor e do investimento em pesquisa e desenvolvimento na área, surgem tendências e inovações. Elas são fundamentais, pois impactam diretamente a produtividade agropecuária e os lucros do empreendedor do campo.

Entre essas possibilidades para essa área, a energia solar surge como uma boa opção. Ela chegou como uma forma de utilizar a energia solar para esquentar água do chuveiro das residências, mas, hoje, após as diversas evoluções dessa tecnologia, é possível produzir e, até mesmo, armazenar energia elétrica a partir da energia do sol.

Portanto, ela tem uma série de utilidades tanto em residências quanto em indústrias e no campo, podendo se tornar um diferencial para a sua propriedade.

Como a energia solar pode ser usada no agronegócio

A energia solar funciona da seguinte maneira: são instaladas chapas com um mecanismo capaz de transformar a energia vinda da luz do sol em energia elétrica. Esses são os chamados painéis fotovoltaicos, que podem ser instalados em diversos locais da sua propriedade, como no telhado de construções (casa, curral ou estoques, por exemplo).

Na medida em que o sol atinge esses painéis, a energia é convertida em energia elétrica. Essa energia passa por um equipamento conhecido como inversor, que transforma a corrente contínua em corrente alternada (semelhante à que chega pela rede elétrica).

A partir disso, é possível conduzir essa eletricidade diretamente para o uso na casa ou outra parte da fazenda. Ainda, caso ela não seja utilizada na hora da captação, é possível armazená-la.

Se você ficou curioso para entender mais sobre como a energia solar pode ser usada no campo, continue a leitura para descobrir, agora, quais são as possibilidades nesse aspecto!

Ligação de aparelhos eletrônicos

Na sua propriedade você, provavelmente, tem uma série de aparelhos eletrônicos. Isso inclui os utensílios domésticos da sua casa, mas, também, aqueles aparelhos utilizados para monitorar a produção e os animais.

Todos eles têm que estar conectados à energia elétrica para funcionar, sendo que alguns precisam que isso aconteça 24 horas por dia, de forma a registrar os dados da melhor maneira possível.

A energia gerada pelos painéis fotovoltaicos pode ser utilizada para alimentar esses aparelhos. Dependendo da localização e do clima da sua propriedade, isso pode ser feito sem nenhuma utilização da energia que vem da rede elétrica local, dependendo exclusivamente da geração solar.

Iluminação

A iluminação é necessária, seja na casa ou em locais como a plantação e o curral. Dessa forma, é preciso utilizar energia elétrica para garantir que a propriedade não ficará no escuro durante a noite.

Esse é um outro uso possível para a energia solar, podendo ser aplicada para iluminar tanto os locais próximos aos painéis quanto aqueles mais distantes.

Aquecimento de água

O uso mais tradicional da energia solar é o aquecimento de água. Geralmente, isso acontece para alimentar os chuveiros de residências, e o mesmo pode ser feito na sua propriedade. Porém, também é possível aquecer água com outras finalidades, caso você precise dela assim ao longo de sua produção.

Cercas elétricas

Para garantir a segurança da propriedade e evitar a fuga ou entrada de animais, muitos investem nas cercas elétricas. Elas também podem ser alimentadas pela energia gerada a partir do sol, evitando que esses equipamentos sejam dependentes da energia elétrica que chega até a sua casa.

Assim, em caso de o fornecimento pela rede ser interrompido devido a qualquer motivo, seja tempestade ou reparos, você continuará protegido e usufruindo de todo o conforto que a energia elétrica oferece.

Telemetria

A telemetria é, basicamente, a gestão da produção agrícola metro a metro. Para isso, é necessário que você tenha torres de comunicação, rádios e equipamentos de GPS capazes de identificar e fornecer dados sobre cada metro da propriedade.

Esses dados são utilizados para embasar decisões diferentes em cada parte do terreno, reconhecendo que cada uma tem as suas características e, com isso, necessidades específicas.

A energia solar pode servir para alimentar esses equipamentos, possibilitando o acompanhamento da produção por meio dessa técnica. A consequência é o melhor aproveitamento do terreno e o aumento da produtividade da fazenda como um todo.

Bombeamento de água

Outra situação comum nas propriedades rurais é a ausência de água encanada. Em muitas, essa água é coletada de um açude e precisa ser bombeada para a casa, alimentação de animais, irrigação de plantações e outras finalidades.

Para fazer esse procedimento, é necessário utilizar a energia elétrica, e ela também pode vir da energia solar. Isso é possível mesmo que a bomba fique longe dos painéis, uma vez que a energia elétrica gerada pode ser armazenada em baterias e, inclusive, transportada, por fiação.

Refrigeração

Por fim, também é possível utilizar a energia solar, convertida em energia elétrica, nos mais diversos sistemas de refrigeração da sua propriedade. Dessa forma, você evita a dependência da energia elétrica da rede para manter os alimentos que produz na temperatura ideal.

Os benefícios de contar com a energia solar no agronegócio

Como você já deve imaginar, a energia solar pode trazer uma série de benefícios quando adotada no campo. Descubra agora quais são os principais deles!

Resolução de problemas de instabilidade energética

As propriedades rurais são, na maioria das vezes, localizadas longe dos centros urbanos e, consequentemente, da central de distribuição de energia elétrica. Isso faz com que parte da energia seja perdida durante a transmissão na rede, o que gera instabilidade e oscilações.

Quando você investe em um sistema de placas fotovoltaicas para a geração de energia elétrica, é possível resolver esse problema. Isso, porque você conta com a sua própria fonte de energia, o que garante autonomia energética.

Dessa forma, seus aparelhos não são afetados pelas oscilações da rede, uma vez que você não utiliza mais essa energia elétrica na sua propriedade, mas sim a que você mesmo produz.

Menor número de problemas com máquinas e equipamentos

Por falar em oscilação da rede de energia, vale a pena lembrar que essas quedas de eletricidade podem danificar uma série de máquinas e equipamentos elétricos essenciais para a produtividade da sua propriedade.

Isso pode causar vários prejuízos à sua fazenda, uma vez que é necessário parar a produção para a troca da peça queimada e, até mesmo, do equipamento como um todo.

Portanto, ao utilizar a energia elétrica gerada por meio das placas fotovoltaicas, você reduz as chances de que esse tipo de situação ocorra. A consequência é a redução dos problemas com máquinas e equipamentos, poupando a propriedade desse tipo de prejuízo.

Redução de custos

A redução de custos é fundamental para a lucratividade de qualquer tipo de negócio. Quando se fala em propriedades rurais, a situação não é diferente. É essencial que você invista em estratégias capazes de auxiliar na redução dos custos de produção, liberando recursos para novos investimentos na sua propriedade.

A energia solar pode ser uma dessas estratégias. Afinal, a sua própria energia elétrica será usada para alimentar equipamentos e máquinas da sua propriedade. Dessa forma, é possível utilizar pouco e, até mesmo, nenhuma energia vinda da concessionária. Com isso, a sua conta fica mais baixa.

Altos índices de retorno sobre o investimento

Além de reduzir custos, vale lembrar que o investimento em energia solar também garante altos índices de retorno para a sua propriedade. Isso significa que o dinheiro investido é rapidamente reposto, trazendo economia de custos para a propriedade.

Vale lembrar que também é possível retornar a energia elétrica para a rede. Isso acontece quando você produz mais do que utiliza, o que faz com que haja sobra. Ela pode ser redirecionada para a rede, sendo revertida em créditos com a concessionária.

Sustentabilidade no campo

A preservação do meio ambiente é um tema em alta na atualidade e bastante relevante tanto para residências quanto para os negócios. Toda produção deve levar em consideração o impacto que gera para o meio ambiente. Para isso, é preciso investir em estratégias capazes de minimizá-lo.

Isso inclui o agronegócio, que tem um papel central na preservação do meio ambiente. Porém, o campo exige a utilização de energia elétrica, sem a qual fica muito difícil de produzir.

A energia elétrica da rede vem de fontes não sustentáveis, sejam elas as represas hidrelétricas ou a queima de combustíveis fósseis. Isso gera poluição e impactos ambientais que não podem ser ignorados.

Já a energia solar é totalmente renovável e sustentável, trazendo índices quase nulos de impacto ao meio ambiente. Dessa forma, quando você investe nesse tipo de energia, traz a sustentabilidade para dentro da produção agrícola e pecuária, contribuindo para o bem-estar do planeta como um todo.

Preço da tecnologia em queda

Vale lembrar que a utilização da energia solar exige o investimento em painéis solares e a manutenção desses equipamentos. Porém, há duas boas notícias nesse aspecto.

A primeira delas é que o preço dessa tecnologia está cada vez menor. Isso, porque, à medida que a tecnologia evolui, ela se torna mais barata para o consumidor final. Dessa forma, você é capaz de aproveitar todos os benefícios da energia solar investindo menos recursos.

Além disso, há diversos programas governamentais para a instalação da energia solar no campo. Eles permitem que você receba financiamentos e descontos para realizar essa mudança. Vale a pena consultar quais são os programas que operam a nível nacional e no seu estado.

Possibilidade de armazenamento e transporte de energia elétrica

Sabe aquela parte da sua propriedade mais distante, na qual você não realizou nenhuma instalação elétrica? Pode ser que precise ir até lá em algum momento para trabalhar ou verificar determinada situação. Sem a energia elétrica, porém, tudo se torna mais difícil, não é mesmo?

Pois a energia solar pode ajudar também nesse aspecto. Isso, porque é possível armazenar essa energia em baterias específicas, que podem ser transportadas para qualquer parte da propriedade. Dessa forma, mesmo sem o cabeamento, você garante acesso à energia elétrica em toda a extensão de suas terras.

Como investir em energia solar no campo

Você já sabe quais são as utilidades da energia solar no campo e os benefícios que ela pode trazer, mas entende como investir nessa solução na sua propriedade? Se não, está na hora de descobrir!

Entenda o seu foco

Em primeiro lugar, é importante que você entenda qual é o seu foco na hora de utiliza a energia solar na sua propriedade. Cada fazenda produz determinado produto, e isso faz com que a energia elétrica seja utilizada por maquinários ou instalações diferentes.

Em uma propriedade cujo foco é a produção de leite, a energia solar pode ser utilizada, principalmente, para o resfriamento do produto. Já quando o foco é a agricultura, o maior consumo de energia elétrica pode estar relacionado aos maquinários ou à irrigação.

Portanto, revise o consumo de energia elétrica na sua propriedade e defina qual o seu principal foco, ou seja, quais são os gastos que você pretende solucionar por meio da energia solar.

Busque empresas confiáveis

Agora que você já sabe qual é o seu principal objetivo, é hora de buscar empresas que realizem esse tipo de serviço. Afinal, para a instalação dos painéis, é preciso contar com mão de obra especializada.

Portanto, pesquise empresas na sua região e comece a entrar em contato com elas. Lembre-se de buscar referências sobre elas, de forma a encontrar o melhor custo-benefício para a sua propriedade.

Nesse aspecto, atente para quesitos como tradição no mercado, profissionais capacitados e atendimento de qualidade. Vale considerar, também, empresas que auxiliem na criação do projeto e que prestem consultoria com foco em propriedades rurais.

Crie um planejamento de instalação

Também é importante criar um planejamento detalhado da instalação dos sistemas fotovoltaicos na sua propriedade. Para isso, você pode contar com a ajuda das empresas selecionadas ou de profissionais capacitados para auxiliar na tomada de decisões.

É preciso determinar, por exemplo, a quantidade de painéis solares a serem instalados e a tecnologia que deve ser utilizada. Outro elemento importante é definir onde serão colocadas as placas fotovoltaicas, o que depende do clima local, da geografia da fazenda e da quantidade de painéis a serem utilizados.

Vale lembrar que, na atualidade, é possível instalar, inclusive, painéis solares flutuantes, em açudes, caso essa seja a melhor opção para você. Também é possível colocá-los nos telhados ou no solo.

Faça orçamentos e tome a decisão

Agora que você já tem todo um planejamento e já mapeou as melhores empresas da sua região, é hora de fazer o orçamento e finalizar o processo de decisão. Compare o serviço a ser realizado por cada uma das empresas, a qualidade do trabalho e a reputação da marca.

Além disso, você pode buscar outros empreendedores do agronegócio que já instalaram sistemas de energia solar em suas propriedades. Converse com eles, colete recomendações e feedbacks e utilize todas essas informações para embasar a sua decisão final.

Financie

Por fim, vale lembrar que existem diversos financiamentos para a instalação de sistemas de energia solar em propriedades rurais. Isso faz parte de uma política nacional voltada para o setor, visando a popularização dessa fonte energética sustentável.

Esses financiamentos funcionam da seguinte forma: você entra em contato com uma instituição, e ela oferece crédito para que você faça a instalação do sistema de energia solar na sua propriedade. Esse crédito, na maioria dos casos, é pago em parcelas de acordo com as suas condições financeiras e com juros reduzidos, quando comparado a outros tipos de empréstimo.

Portanto, consulte os bancos e outras fontes de financiamento da sua região para descobrir qual a melhor para você. Aproveite e verifique, também, órgãos dos governos federal e estadual, de forma a descobrir outras políticas nesse aspecto.

A energia solar como um diferencial para o agronegócio

O mercado está cada vez mais competitivo — seja entre as indústrias, lojas de varejo ou no agronegócio. Dessa forma, para que você consiga dar saída à sua produção, é essencial que busque formas de se destacar no mercado, criando um diferencial competitivo.

O investimento em energia solar no campo pode ser a solução de que você precisa. Afinal, ela permite que você reduza custos, o que potencializa os lucros da sua propriedade, e ainda mostra para os consumidores a sua preocupação com o meio ambiente, trazendo sustentabilidade para a marca.

Dessa forma, seu negócio passa a se destacar da concorrência, garantindo um lugar de privilégio na hora de vender a sua produção. Isso, sem contar o aumento da eficiência e rentabilidade da fazenda, proporcionados pela energia solar. A consequência de todos esses aspectos é o sucesso da sua propriedade no agronegócio.

Vale lembrar que a aquisição de painéis fotovoltaicos é tão vantajosa que, atualmente, estão sendo criadas fazendas de energia solar no Brasil e no mundo. São propriedades totalmente dedicadas à produção de energia solar, contribuindo para o desenvolvimento sustentável da sociedade como um todo.

Esse tipo de negócio tem grande abertura para se tornar um sucesso no país. Afinal, o Brasil é um dos territórios com maior quantidade de incidência solar na superfície, o que favorece esse tipo de estrutura e geração de energia. Além disso, quanto mais próximo à linha do Equador, que corta o Nordeste e Norte do Brasil, maiores são as chances de sucesso desse tipo de negócio.

Neste artigo, você descobriu a importância do agronegócio para a economia do Brasil e que uma das inovações para a área é a energia solar. Além disso, percebeu quais são os usos da energia solar no campo e os benefícios que ela pode trazer para uma propriedade rural.

Por fim, descobriu como investir na energia solar dentro da sua fazenda, entendendo a importância de consultar os financiamentos oferecidos especificamente para esse tipo de investimento.

Diante das vantagens da energia solar no campo e da possibilidade de ela se tornar o grande diferencial do seu negócio, que tal começar, agora mesmo, a buscar essa solução?

A HCC Engenharia pode ser a sua grande parceira! Com experiência na instalação de painéis solares em propriedades rurais, temos as melhores soluções para você. Para saber mais, entre com contato com a gente agora mesmo!